Inovação na rede - Um novo conceito de loja na rede de farmácias Drogamais
(Fotos Nil Gonçalves)

Buscando criar um novo conceito de loja para a rede de farmácias Drogamais, as arquitetas Lilian Simões e Mariana Vidal inovaram na criação do projeto da unidade localizada no Boulevard Londrina Shopping. Ambientada num espaço bem distribuído e setorizado a farmácia conta com uma infraestrutura que permite uma dinâmica diferenciada na exposição das mercadorias oferecidas, facilitando a busca do cliente por produtos de seu interesse.
Um diferencial da loja é a utilização de vitrines que auxiliam na exposição de produtos que possam despertar o interesse do público. A área envidraçada ocupa toda a fachada, possibilitando uma maior visualização de seu interior. [...]
Os detalhes são essenciais para qualquer projeto e pensando nisso, Lilian e Marina utilizaram acabamentos claros, como piso de porcelanato da Inovart Acabamentos, para realçar os produtos distribuídos no interior na loja. [...]Para a realização da execução deste trabalho em toda a sua riqueza de detalhes, as arquitetas contaram com a ajuda da Empreiteira Finaliza Mais que é especializada em execuções de obras em lojas de shopping. 

- Revista Perfil Mag edição 19-Outubro 2013-ano 07 (pág.78-81)

Entrada triunfal - Responsáveis pela primeira impressão de casas e edifícios, os halls merecem atenção especial na decoração

Eles são os primeiros cômodos de casas e edifícios e os responsáveis pela recepção de visitantes e moradores. Por esse motivo, os halls devem passar uma boa impressão e ser decorados de maneira adequada. [...]
De acordo com a arquiteta Lilian Simões, uma dica importante na hora de se decorar halls, seja de elevadores ou de uma residência, é investir, quando possível, nas paredes, pisos e tetos. "Como se trata de um espaço pequeno dificilmente haverá a possibilidade de colocar mobília. Por isso, podemos usar revestimentos diferenciados. Além do papel de parede", aconselha. [...] Outra recomendação das arquitetas é investir nos revestimentos das paredes dos elevadores. "Fazer uma moldura com mármore ou madeira, por exemplo, ajuda a valorizar o espaço", comenta Lilian Simões. 
Outro detalhe que faz bastante diferença é a porta. "Para valorizar o hall é importante que a porta tenha presença, com puxadores grandes ou outros detalhes", indica Lilian Simões. Conforme a arquiteta, as portas de entrada não precisam combinar com as portas internas, por isso, é possível brincar com as possibilidades. ‘Quem não quer trocar a porta também pode revesti-la com outro material ou pintá-la ’. [...]

​- Folha de Londrina - Folha da Sexta editora Gisele Mendonça-13 Março 2015 (pág. 10-13)


Plastimil Embalagens: um projeto focado no bem-estar do cliente

Na concepção deste projeto, as arquitetas Lilian Simões e Marina Vidal focaram o bem-estar do cliente que irá encontrar uma loja com infraestrutura moderna e funcional. O novo layout apresenta uma proposta organizada de forma a atender às necessidades dos clientes com praticidade e conforto. Com o uso de uma linguagem atual e de materiais de qualidade chegamos a um resultado surpreendente que deu outros ares ao setor de comércio de embalagens e artigos de festas de Londrina e região. 

- Revista Sucesso edição 142-2012 – ano 16 (pág. 26)

Vidro é tendência nas fachadas residenciais - Moderna, novidade valoriza o imóvel para venda ou locação; a madeira também está em alta nos detalhes

Nos muros, portões ou paredes, os vidros são uma tendência na arquitetura contemporânea. Para as fachadas, os refletidos são os mais indicados. Eles são espelhados e, durante o dia, apenas as pessoas que estão dentro do imóvel conseguem enxergar o outro lado. À noite, a visão inverte e, por essa razão, é aconselhável utilizar cortinas nas paredes ou janelas envidraçadas.
Nas casas localizadas em condomínios fechados, que não precisam de muros ou portões, investir na fachada é essencial. Nesses empreendimentos, o vidro confere um visual moderno, na opinião da arquiteta Lilian Simões.
Para o advogado Vanderlei Lanz, que está construindo uma casa em um condomínio em Londrina, a fachada fica valorizada e torna o projeto mais charmoso. "A frente será de vidro e teremos uma boa visão de dentro da sala, como se ela estivesse aberta", conta.
A arquiteta Lilian Simões explica que os vidros também podem ser coloridos: cinza, champanhe, verde ou preto. As sacadas das casas também podem ser compostas de vidro e aço inox. "São materiais que proporcionam leveza na fachada e segurança no peitoril. As fábricas também já estão investindo em vidros mais resistentes ao calor ", explica. [...]Para realçar a madeira no projeto, a dica é escolher uma cor de contraste na pintura da alvenaria. "Quanto mais neutra for a cor, mais destaque para os materiais, como a madeira, a pedra ou outros revestimentos", ressalta Lilian Simões

​- JL Jornal de Londrina edição 7.587-27 Outubro 2013-ano 25 (pág. 09)

Capa - Chamariz do Ambiente - Capazes de transformar a decoração, seja moderna ou clássica, os lustres conferem requinte e beleza e podem estar presentes até no banheiro

Já faz muito tempo que a decoração se rendeu à beleza dos lustres. Essas peças – que surgiram no fim do século 17, na Holanda – são vistas em inúmeros estilos. Dos mais antigos de cristal, aos de madeira, vidro, ferro, alumínio, entre outros materiais, os lustres deixam os ambientes mais bonitos e charmosos. 

- Folha de Londrina-Casa & Conforto editora Gisele Mendonça –ed. 183-09 Janeiro 2013 (pág. 08-11)

Item multifuncional - Essencial na decoração, o tapete aconchega, enfeita e ainda delimita ambientes com variadas cores, estampas e texturas

De acordo com Lilian, "o tapete delimita os ambientes, destaca os móveis e pode esconder um piso que não seja muito bonito". "É um curinga", garante. Tanto é que a arquiteta opta sempre por deixar o tapete como um dos últimos itens a entrar na casa. 
"Ele faz parte do projeto desde o início, aparece nas perspectivas e entra no planejamento dos espaços, mas deixo para escolher cores, estampas e texturas no final", explica. A arquiteta explica que o tapete pode ser usado em todos os ambientes da casa, assim como também se encaixa em espaços comerciais. "Só é preciso tomar cuidados com os materiais. Não dá para colocar tapete de fibras naturais em um lugar que fique exposto ao sol ou tome chuva ".
Com variedades de tamanhos, cores, estampas e texturas, algumas regras são preciosas na hora de escolher o tapete. "Para a sala de jantar, é preciso que o tapete seja entre 50 a 60 centímetros maior do que a mesa", calcula a arquiteta. A profissional lembra ainda que com o desuso dos carpetes, o piso frio ganhou o aconchego do tapete. "Ele traz uma sensação de conforto", explica. "Mas se o piso tem muitos detalhes, é bom maneirar na escolha das cores do tapete "."Um tapete pode destacar o mobiliário quando, por exemplo, os móveis são pretos e optamos por um tapete colorido ou vice-versa", diz. A dica da arquiteta é coordenar as cores de uma mesma gama. Para delimitar espaços no mesmo ambiente, a opção é escolher tapetes diferentes para cada um deles. 

- Folha de Londrina-Folha da Sexta editora Gisele Mendonça-12 Setembro 2014 (pág. 10-14)


Em estilo moderno - Para atender às expectativas de um jovem casal
(Projeto Lilian Simões Arquitetura coautora Marina Vidal fotos Edsley Saito)

O grande terreno de esquina proporcionou o desenvolvimento do projeto de uma casa térrea de porte imponente. Isso devido ao pé-direito duplo formado pela sala de estar/jantar e pela torre de caixa d’água. O telhado embutido, os jogos de volumes, as linhas restas e as aberturas em panos de vidro, conferiram à residência o estilo moderno almejado.
A casa possui dois acessos principais, formados por portas de madeira tipo pivotante construídas em painéis de lambril cumaru. Associadas ao grande pano de vidro espelhado e às lajes dos beirais deram à construção o aspecto moderno e contemporâneo pretendido. As cores e os revestimentos utilizados também foram pensados para integrarem esta proposta de estilo.
O gramado na área frontal ajudou a emoldurar os jogos de volumes formados, dando destaque aos acabamentos propostos para as fachadas, que podem ser admiradas à luz do dia ou ao cair da noite, mostrando toda a sua grandiosidade.

​- Revista Londrina Home Magazine edição 16-Março 2016-ano III (pág. 42-45)


​​Banheiros modernos - Saiba como deixar esses locais mais charmosos e práticos para o dia a dia

Considerado um dos cômodos mais íntimos da casa, o banheiro pode e deve receber atenção especial na hora da construção ou da reforma. De acordo com a arquiteta Lilian Simões, de Londrina, a maioria das pessoas busca praticidade, facilidade de manutenção e, principalmente, conforto na hora de decorar os banheiros. ‘Com os espaços cada vez mais restritos, principalmente nos apartamentos, os clientes pedem para incluir lugares para fazer a barba ou a maquiagem, por exemplo, no banheiro’, explica Lilian. [...]
A ideia de aproveitar todos os espaços disponíveis faz com que as bancadas sejam bastante populares nestes ambientes. ‘A bancada te permite espaço para fazer um gabinete embaixo com a vantagem de poder usar os mais diversos tipos de materiais como porcelanato, madeira, vidro e vários outros’, conta Lilian. [...]
Em banheiros pequenos a dica é utilizar espelhos e cores mais claras’, ensina Lilian.
Segundo a arquiteta, os banheiros branquinhos são os mais populares, mas há quem goste de incluir um toque de cor nesses ambientes. ‘Outra tendência são as novas cores nos metais, como torneiras e chuveiros, que aparecem nos tons champanhe e ouro e estão virando objetos de decoração’, conta. As louças coloridas também estão disponíveis, mas requerem um pouco mais de ousadia. Já quem busca sofisticação, pode investir nos revestimentos com relevo nos banheiros. ‘Eles dão a impressão de papel de parede e são um detalhe a mais ’. [...]

         Invista!
  • Pias separadas estão na moda e garantem mais praticidade aos banheiros de casais
  • Luzes de LED não aquecem o ambiente e proporcionam mais conforto nos banheiros
  • Luminárias nas laterais dos espelhos não fazem sombra e garantem uma maquiagem perfeita
  • Troque as prateleiras do box por nichos que ajudam a embelezar o ambiente
  • Cerâmicas e porcelanatos que imitam madeira são ideais para quem quer deixar o banheiro mais acolhedor
  • Jogos de banho, vasinhos e outros acessórios são maneiras econômicas de decorar o banheiro

​​- Folha de Londrina-Folha da Sexta editora Gisele Mendonça-23 Maio 2014 (pág. 09-11)





Reintegração de espaços - Projeto de reforma de ambientes busca integração e melhor aproveitamento de áreas
(projeto lilian simões e marina vidal Fotos Nil Gonçalves)

Dar um novo uso a dois espaços pouco utilizados no dia a dia foi o desafio desse projeto. O terraço - ligado ao corpo da casa - e a sala de estar foram transformados em uma varanda. E a brinquedoteca, anexa à área de lazer, ganhou ares de gazebo.
Na concepção destes espaços, a opção foi a utilização de materiais de acabamento de fácil manutenção com tecidos resistentes ao sol e a umidade devido à proximidade da piscina.
Na varanda, a proposta foi a ampliação do espaço por meio de uma estrutura metálica coberta em vidro e fechamento com portas também em vidro. A mistura de peças mais rústicas com elementos clássicos e modernos resultou em um ambiente com discreta sofisticação e uma especial atenção aos detalhes.
O gazebo teve seu espaço transformado com aberturas envidraçadas voltadas para o jardim e a piscina, passando a servir de área de estar para o bloco de lazer. A decoração foi proposta a permitir o uso do local em qualquer situação: durante a noite ou de dia, no inverno ou no verão, em momentos descontraídos ou de festas, para receber amigos e familiares ou simplesmente descansar.O estilo rústico da decoração, a iluminação e o uso de materiais como madeira, tecidos com estampas florais e objetos decorativos deixam o ambiente aconchegante, caloroso e convidativo para todas as situações.

- Revista Perfil Mag edição 17-Julho 2012-ano 06 (pág.40-41)

De cara nova - O papel de parede é uma alternativa prática e de bom gosto para quem quer transformar um ambiente sem grandes obras

Transformar um ambiente é uma tarefa prática quando se recorre ao papel de parede. Elemento fácil de ser trocado e de baixo investimento, quando comparado ao preço de uma reforma, eles podem ser usados em diversos cômodos e nas mais variadas funções. 
Atualmente os tipos mais utilizados são os tradicionais, feitos somente de papel, e os vinílicos, que levam além de papel uma camada de PVC e, por isso, têm textura mais emborrachada. O papel de parede tradicional é bem mais frágil do que o vinílico e exige mais cuidados. Sua limpeza, por exemplo, deve ser feita somente com aspiração. Já o vinílico é um pouco mais impermeável e permite que se passe um pano úmido na hora de limpar. [...]
A cozinha também pede cuidados especiais na hora de utilizar o papel de parede, conforme explica a arquiteta Lilian Simões. "O ideal é que ele seja colocado em uma parede longe do fogão e da pia para não sujar ou molhar", recomenda a profissional. De acordo com Lilian, o vinílico é mais indicado neste caso, já que permite uma limpeza melhor. 

Dicas
(Fonte: Lilian Simões, arquiteta)
  • Papel de parede não significa economizar na pintura: antes de receber o papel é preciso aplicar massa corrida e tinta na parede.
  • Sem esses cuidados o papel não vai aderir corretamente.
  • Contrate um profissional qualificado para fazer a aplicação e não perder o papel.
  • ​Os profissionais cobram em média R$60 a R$70 por rolo aplicado

APOSTE NAS TENDÊNCIAS

[...] A arquiteta Lilian Simões comenta ainda que os papéis com estampa de listras são ótimos para todos os ambientes. "Eles nunca saem de moda". Outra estampa que está sempre em alta são as adamascadas, com figuras mais clássicas. Já os papéis florais costumam ser mais utilizados em quartos de adolescentes e de crianças. [...]Segundo Lilian, a dica na hora de decorar é utilizar os papéis apenas em uma parede em ambientes menores como halls e lavabos, por exemplo. "Em geral usa-se cores claras quando a intenção é passar sensação de amplitude", recomenda. Já as cores mais fortes passarão a impressão de um ambiente menor. (B.Q.) 

​- Folha de Londrina-Folha da Sexta editora Gisele Mendonça-04 Abril 2014 (pág. 12-15)